Veludo & Decoração

Mais do que um tecido, foi durante séculos, sinónimo de riqueza e elegância. 

Criado no Oriente, chegou à Europa no início do século XIII. Dois séculos mais tarde, o rei inglês Henry IV proibiu que as pessoas que não pertencessem à realeza usassem o tecido. Derivada a esta proibição, o veludo foi associado, durante séculos, a riqueza e elegância.

Apenas na década de 70 do século XX, o veludo se popularizou. Criadores de moda e decoradores renderam-se ao seu potencial, transformando esta matéria-prima em peças elegantes.

Na decoração confere personalidade ao ambiente. Conjugado de forma correcta, garantirá sofisticação e elegância, dando um toque de conforto ao ambiente, confira: 

Respeitando algumas regras criará um ambiente sofisticado e não dramático. Assim:

 - opte por uma peça aveludada na divisão, tornando-a no destaque da decoração, seja um banco, banqueta, sofá ou poltrona. 

- como as cadeiras aveludadas estão em voga, caso opte por cadeiras forradas com veludo para a sua zona de refeição, opte por tons claros ou nude, tornará o ambiente mais clean.

- conjuge o mobiliário aveludado com mobiliário de linhas rectas, de forma a criar um ambiente harmonioso. Como as peças aveludadas já são imponentes, o restante mobiliário deverá ser menos pretensioso. 

- se ainda não se sente confiante em apostar em peças de mobiliário, comece por colocar almofadas no seu sofá, de forma a ambientar-se à sua textura;

 A VIVA acompanha as tendências e apresenta para esta estação um conjunto de mobiliário aveludado, arrisque! Confira algumas peças e dê uma visita ao site, irá apaixonar-se. 

Crie ambientes aconchegantes com personalidade e identidade. A sua identidade!

 

por Sofia Gomes @a.tua.estoria