Crie a sua Gallery Wall. Inspire-se!

Ter uma Gallery Wall em casa é decorar aquela parede da sala ou do hallde entrada – ou de qualquer espaço que queira - de uma forma contemporânea e bonita. Pode ser grande, pequena e composta de impressões, telas ou fotografias pessoais. Vale tudo!

Na minha sala, por exemplo, eu reservei a parede maior, onde fica encostado o sofá, para compor a nossa “Wanderlust Wall”, que mais não é do que uma composição de molduras com as fotografias das nossas viagens. Uma amiga optou para colocar no hall de entrada fotografias de família a preto e branco em molduras pretas. Não há regras, só alguns conselhos! 

 

Como fazer:

Criar uma Gallery Wall é um projeto ambicioso, divertido, mas que também requer alguma paciência. 

Primeiro, terá que escolher a parede a ser decorada. Pode ser a parede maior do espaço ou então não! Há paredes que pedem, sem explicação aparente, uma composição deste género. 

Em segundo lugar, terá que selecionar as imagens, que devem ser todas dentro do mesmo tema ou tom, consoante o objetivo, claro. Se for preciso, imprime-as. 

Em terceiro lugar, deverá escolher as molduras para cada imagem ou fotografia. Pode optar por molduras iguais e da mesma cor ou, se prefere algo mais eclético, pode optar por molduras todas diferentes, tendo em conta que molduras com cores, formas e texturas diferentes vai enriquecer o projeto. 

Em quarto lugar, segue-se a parte do enquadramento, talvez a mais complicada. Para isso, temos uma dica de mestre:

  • Coloque as molduras em cima de folhas de papel e trace o contorno. Desta forma vai ficar com uma ideia de qual é o tamanho da moldura.

  • Corte pelo traçado e repita o processo para todas as molduras.

  • Quando tiver todos os papeis cortados, tenha à mão fita cola ou bostik.

  • Agora o que terá de fazer é ir compondo as fotos na parede. Coloque e retire como queira. Desta forma, vai ter a certeza de como fica a composição sem ter de pregar nada à parede.

  • Não se esqueça que pode ser ainda necessário efetuar algumas medidas da parede e dos espaços que cada quadro vai ter entre si. 

  • Se for mais fácil para si criar esta composição, comece pelo quadro maior e veja onde o quer colocar: centrado, na lateral…

  • Claro que terá também de ter uma noção de onde começa e acaba a composição. Mas isso também é algo que pode fazer quanto estiver a colar as folhas na parede. 

 

Inspire-se nas nossas propostas e crie a sua composição com os artigos VIVA!

 

 por Silvana Querido, do blog Dear Project

Clique nas imagens para descobrir mais sobre os artigos.